Últimas Notícias

Homem que tentou matar ex-mulher e mais 90 pessoas é condenado a 44 anos de prisão

Prédio teve de ser evacuado em virtude do incêndio (Foto: Brigada Militar)
Acompanhando a tese do MP, o corpo de jurados condenou Alexandre Viana de Souza, 33 anos, pela tentativa de feminicídio triplamente qualificado contra a ex-companheira, Márcia Franciele Castilho Reis Schmidt, e por outras 90 tentativas de homicídio duplamente qualificado e por dolo eventual, bem como pela lesão corporal contra o filho de Márcia e por crueldade contra animal. No total, ele foi condenado a 44 anos e dois meses de reclusão em regime inicial fechado. 

“Os jurados julgaram de acordo com a prova do processo. A condenação foi justa em razão do comportamento violento do réu com a companheira e o risco de morte que ele determinou aos moradores do condomínio ateando fogo criminosamente ao apartamento”, disse o promotor de Justiça Sérgio Luiz Rodrigues, responsável pela acusação. A sessão do Tribunal do Júri de São Leopoldo, que iniciou às 9h desta terça-feira, 24, encerrou pouco depois das 18h.

A Promotoria de Justiça Criminal de São Leopoldo denunciou o motorista Alexandre Viana de Souza em abril de 2016, por ter esfaqueado a companheira e, enquanto ela estava em atendimento médico, invadir o apartamento dela e atear fogo no imóvel. Os crimes ocorreram em janeiro daquele ano. O bloco inteiro precisou ser evacuado em virtude do alastramento do incêndio. Os jurados absolveram o réu da acusação de furto qualificado.